Intercâmbio 2021: O que esperar? Covid, Preços, Condições e mais!

Estudar no Exterior em 2021 é um sonho que ficou na cabeça de muitos brasileiros. Depois de termos que ficar “quarentenados” em casa, em 2021 estamos ansiosos para tirar nossos planos de intercâmbio e viagem do papel. Mas afinal, será possível fazer intercâmbio em 2021?

O objetivo deste artigo é esclarecer as principais dúvidas de quem quer estudar fora. Fique conosco e confira:

Pandemia de Covid e Vacinação em 2021

Começamos o ano de 2021 com uma vantagem sobre 2020: sabemos mais ou menos o que esperar da Pandemia. Quando apareceu o Coronavírus, achamos que ficar 2 semanas em casa ia resolver e até hoje seguimos parcialmente isolados, com nosso direito de ir e vir restringido.

Agora em 2021, já vemos luz no fim do túnel. Apesar dos países ainda sofrerem (EUA tem picos de contaminados e mortes; Irlanda entrou na terceira onda) a vacinação já começa avançar nos países e todos estão ávidos por reativar suas economias, o seu turismo.

É muito difícil fazer um prognóstico muito acurado, pois não depende da vacinação e de mudanças de protocolos tanto no Brasil quando nos destinos de intercâmbio.

De qualquer forma, vou me arriscar:

Intercâmbio em 2021 será possível, provavelmente um grande número de embarques no segundo semestre.

O primeiro semestre de 2021 será marcado por aprovações de vacinas e a imunização em massa. O segundo semestre deve ser marcado pela real retomada de alguma normalidade, em especial nos países desenvolvidos e que conseguiram se planejar para uma vacinação. Do nosso lado, esperamos que nosso governo também tenha agilidade, pois os países possivelmente só abrirão portas para quem também estiver imunizado.

Preços de Cursos no Exterior, Passagem e Câmbio em 2021

Comprar cursos no exterior em 2021 deve ficar um pouco mais barato do que no ano que passou. O principal motivo é que o câmbio deve minimamente se controlar e isso tem impactos em cascata.

Vamos aos detalhes dos principais itens de um orçamento de intercâmbio.

Câmbio em 2021

Câmbio em 2021
Câmbio em 2021 – Foto Pixabay

No ano que passou o dólar bateu R$6, um recorde histórico. Além disso, sofreu variações incríveis de 20% em 1 mês. Moeda, além do valor de mercado também precisa ser compreendida como risco para formar seu preço.

Por exemplo. Vamos supor que uma Agência de Câmbio está vendendo dólar a R$5,40 hoje, mas o mercado está muito estável, isso quer dizer agência vai precisar colocar um “lucro” um pouco maior. Isso porque se o por um acaso o dólar tiver uma oscilação de 3 ou 4% em um dia, ela conseguirá repor o estoque dela para continuar vendendo.

Em 2021, apesar de ainda estarmos lidando com a pandemia, o mercado mais ou menos sabe o que esperar. Se não tivermos outras intercorrências, a tendência é que as oscilações do dólar sejam menores e que fique mais fácil se planejar.

De qualquer forma, a projeção do mercado é que o dólar feche 2021 a R$ 5,10. Ou seja, teremos uma redução, mas devemos planejar nosso intercâmbio contando com um dólar na faixa de R$ 5 e pouco e o euro a R$ 6 e pouco.

Cursos no Exterior

Nos cursos no exterior teremos duas pressões opostas. A primeira é o câmbio que comentei. Como houve um aumento de 25% quando comparado com o ano anterior, os preços dos cursos deveriam variar nesta mesma proporção.

Porém, tem outra coisa: agências e escolas estão precisando vender, desesperadamente depois de passar um ano com receitas MUITO baixas. Isso significa que elas podem reduzir suas margens e seus preços para conseguir fechar vendas.

Na minha pesquisa recente sobre intercâmbios baratos em 2021, percebi que houve um aumento nos cursos, mas que em alguns casos é possível comprar pacotes com um aumento de “apenas” 10 a 15% em relação ao passado. Ou seja, apesar de dólar subir 25%, descontos ou mudanças de preços estão “reduzindo” o impacto no preço dos cursos e alguns outros serviços adicionais como a acomodação.

Passagens para o Exterior e outros serviços em 2021

Preços de passagens aéreas são difíceis de serem compreendidos. Dólar sobe, dólar desce e há vejo passagens para EUA e Europa na média de R$ 2 a 3 mil.

A explicação não deve ser tão simples, mas eu tenho minha hipótese: demanda!

Embarque para Estudar na Exterior em 2021
Embarque para Estudar na Exterior em 2021 – Foto Anna Shvets, Pexels

Quando o câmbio sobe, as pessoas “desistem” de viajar para o exterior o que faz as companhias aéreas terem que baixar o preço para “incentivar” as pessoas a irem para o exterior. Como o câmbio não deve baixar e a economia do Brasil não deve decolar em 2021 ainda, a minha expectativa é de um ano com bons preços e promoções em passagens aéreas.

As empresas estão ainda mais sedentas por receita e por tirar seus aviões do solo. Minha projeção para 2021, principalmente para quem comprar passagens no primeiro semestre, é de conseguir bons preços.

Sendo assim, quanto custa fazer Estudar no Exterior em 2021?

Certamente ainda teremos oscilações no preços e as datas exatas de abertura das fronteiras é incerto. De qualquer forma, planejar seu Intercâmbio de inglês em 2021, seu High School em 2021 ou qualquer outro curso no exterior.

Abaixo, fizemos uma tabela com os principais tipos de intercâmbio e investimento total estimado para estudar no exterior em 2021. Confira!

TipoDuraçãoInvestimento total em 2021
(Pacote + Gastos no País)
Destinos Mais Baratos de Intercâmbio
Intercâmbio de Inglês em 20211 mês R$18,000África do Sul, Canadá 2021
Inglês 3 mesesR$33,000Canadá, África do Sul e Irlanda
Inglês com Trabalho6 mesesR$35,000Irlanda
Espanhol 1 mêsR$10,000Argentina
Espanhol com Trabalho6 mesesR$49,000Espanha
High School em 20216 mesesR$35,000EUA
Work And Travel 3 ou 4 mesesR$22,000EUA
Au Pair6 mesesR$17,000EUA
Graduação/ Vocacional6 a 48 mesesVide País –>Austrália, Portugal, Irlanda, Canadá
Valores de Intercâmbio em 2021

Conclusão: Vale a Pena Planejar Intercâmbio em 2021

Com certeza! Esta é a resposta curta…

Intercâmbio 2021
Intercâmbio 2021 – Foto Olya Kobruseva, Pexels

Muitas vezes vejo pessoas falando de esperar para ver se o câmbio vai baixar ou alguma outra coisa vai mudar. Honestamente, eu acredito pouco que o dólar e o euro voltem à patamares de dois anos atrás e, se isso acontecer, certamente vai demorar alguns anos e sugiro não basearmos nossos planos nesta expectativa.

A data de abertura das fronteiras vai ficar mais claro nos primeiros meses de 2021, mas é bem razoável esperar que a Europa, Canadá, Austrália e Nova Zelândia já estejam com procedimentos e vacinas a toda velocidade no segundo semestre.

É possível arriscar embarques no primeiro semestre, mas garanta que seu pacote de intercâmbio tenha flexibilidade para alterações sem custo caso a pandemia não tenha ainda permitido que você viaje!

Partiu Estudar no Exterior em 2021? Faça como mais de 50 mil pessoas, preencha o formulário abaixo e fale com as melhores agências de intercâmbio do Brasil!

Homero Carmona

Blogueiro desde 2008, ano em que fez seu primeiro intercâmbio e começou a viajar por aí! Atualmente coleciona mais de 40 países no seu passaporte e sonha conhecer todos os 200 e poucos por este mudão a fora... Seu hobby é fazer com que mais gente viaje, todo dia, cada dia mais!