Curiosidades: Coisas fáceis e difíceis de encontrar nas ruas do Japão

Cada país com suas peculiaridade e curiosidades, mas quando vamos a um país tão distante e tão diferente como Japão as surpresas podem ser ainda maiores e mais interessantes.

Começo pela listinha daquilo que se pode achar facilmente pelas ruas japonesas...

1 – Banheiro – Em muitos lugares é difícil encontrar um banheiro quando mais se precisa dele. No Japão, o contrário, quando menos se espera surge um banheiro público.

2 – Loja de Conveniência: Quase tão fácil quanto encontrar um boteco pelas ruas do interior de São Paulo ou Minas Gerais, é achar uma lojinha como um 7 Eleve ou Family Mart, aquelas tradicionais lojas de conveniência tão famosas nos EUA, mas muito mais comuns no Japão.

Loja de Conveniência em Tóquio, Japão
Loja de Conveniência em Tóquio, Japão

3 – Estação de Trem ou Metrô: São tantas estações e tantas entradas para as estações – principalmente em Tokyo – que achar uma estação é questão de tempo. Aponte o nariz para um lado, ande e logo encontrará uma.

4 – Cafeterias (princpalmente grandes redes como Starbucks, Doutor, Excelcior etc.): Estão por toda parte, agora, encontrar um café bom e bem feito,… ah, isso é outra história.

5 – Vending Machine – Tem uma a cada esquina, em todas as cidades e mesmo nos bairros mais longínquos! Você não vai passar sede hehe

Vending Machine pelas ruas do Japão
Vending Machine pelas ruas do Japão

Por outro lado, você pode procurar, mas dificilmente vai encontrar:

A – Lixeiras, principalmente para lixo não-reciclável – Não tem lixeiras nas ruas, às vezes tem um ou outra do lado das Vending Machines, ou então dentro das Lojas de Conveniência.

B – Lixo no chão: Apesar da falta de lixeiras, é quase impossível achar lixo no chão, todos levam para casa. É tão dificil que até tirei uma foto quando achei um lixinho no chão… hhahaha

Lixo no chão, único papelzinho que encontrei em Tokyo, Japão
Lixo no chão, único papelzinho que encontrei em Tokyo, Japão

C – Gente gritando: As pessoas falam pouco e falam baixo. Mesmo as crianças, dificilmente gritam, e quando o fazem, os pais não gritam de volta – jamais! É daí que todos aprendem que não se deve gritar

D – Quem fale um inglês bem – Alguns até arranham, se esforçam para ser simpático e ajudar, mas na maioria, é algo simplesmente terrível

E – A saída certa da estação: São muitas!!! Para se ter uma idéia, chegam a ser mais de 40 saídas em estações grandes como Shibuya!

Homero Carmona

Blogueiro desde 2008, ano em que fez seu primeiro intercâmbio e começou a viajar por aí! Atualmente coleciona mais de 40 países no seu passaporte e sonha conhecer todos os 200 e poucos por este mudão a fora... Seu hobby é fazer com que mais gente viaje, todo dia, cada dia mais!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *