Tipos de Cursos de Inglês: Saiba qual funciona para você!

Você sabia que existem diferentes tipos de cursos de inglês? Cada um deles tem uma abordagem e uma finalidade específica, quando se trata de cursos convencionais.

No entanto, isso também se aplica aos alunos que recorrem a programas de intercâmbio.

Desse modo, pessoas que fazem imersão em outro país para ter acesso ao aperfeiçoamento de uma língua nem sempre têm a mesma experiência.

O que se leva em consideração é, principalmente, o objetivo do aluno e o motivo pelo qual ele está buscando o curso.

Fato é que existe uma infinidade de cursos de inglês e eles variam de acordo com uma série de fatores.

Mas, quando se trata de intercâmbio, é importante conhecer muito bem cada um deles, já que se trata de uma experiência extensa e que requer um investimento considerável.

cursos de inglês

Para ajudá-lo, trouxemos abaixo um guia com os tipos de cursos de inglês para quem pretende fazer intercâmbio. Continue lendo e saiba tudo a respeito:

Tipos de Cursos de Inglês para Intercâmbio: O Que Você Precisa Saber

Você se planejou, se organizou financeiramente, decidiu se aventurar em uma viagem para aperfeiçoar a língua e, de quebra, viver intensamente uma nova cultura, mas na hora de selecionar o programa, está em dúvida sobre qual tipo de curso escolher?

Isso é mais comum do que você pode imaginar!

Principalmente porque existem diferentes modalidades e tipos de cursos de inglês voltados para o intercâmbio.

Abaixo apresentamos os mais adotados pelos alunos que moram temporariamente em um novo país para se dedicarem à nova língua.

General English (Inglês Geral)

O curso de modalidade general english recebe esse nome por uma razão: trata-se de um dos cursos mais buscados.

Isso porque busca ensinar a língua em uma abordagem mais ampla.

Desse modo, os alunos aprendem muito sobre tudo, é uma verdadeira imersão, contemplando as mais diferentes áreas da vida em sociedade, das instituições, do comércio, da vida acadêmica e profissional.

É possível afirmar que o indivíduo que passa pelo general english em um intercâmbio está, certamente, preparado para as mais diversas situações que irão requerer o domínio da língua.

Além disso, existe outro motivo para o general english estar entre os programas de intercâmbio mais famosos.

Ele não tem pré-requisitos rígidos e costuma ser bastante flexível quanto aos níveis de fluência exigidos. Isso quer dizer que até mesmo aquelas pessoas que sabem pouco sobre a língua podem ser aceitas.

Outro ponto favorável a esta modalidade é que também se trata de uma abordagem flexível em outros fatores. Por exemplo, você pode escolher o melhor horário para as aulas, de acordo com os seus afazeres e compromissos.

É possível encontrar programas com cursos general english com carga horária a partir de 14 semanas e permissão para trabalho remunerado. A diferença entre os programas de intercâmbio general english e os cursinhos tradicionais no Brasil é o fato de que os alunos passam por uma imersão total.

Desse modo, eles vivem a língua 24 horas por dia, desfrutando da cultura local, consumindo a culinária, a arte e o lifestyle do país.

English for Professionals

Os indivíduos que querem aperfeiçoar a língua como forma de alavancar as oportunidades de trabalho e dar um gás no currículo certamente serão beneficiados pelos programas english for professionals, afinal, existem muitos programas voltados a esta finalidade.

Aqui, vale ressaltar que as instituições que oferecem esta modalidade possuem programas específicos que levam em conta as necessidades da turma.

Na prática, isso se reflete em aulas (tanto em relação à gramática, quanto ao léxico e conversação) têm maior enfoque na área de atuação do aluno.

Ou seja, se o profissional é advogado, o foco serão nos assuntos que permeiam o mundo do Direito, e a mesma coisa ocorre com profissionais de outras áreas.

Os programas de intercâmbio de english for professionals oferecem, de modo geral, cursos de inglês para a área de saúde; inglês para engenharia; para hotelaria e turismo; inglês para negócios; para profissionais de Direito, dentre outras áreas.

EAP (Inglês para fins acadêmicos)

English for Academic Purposes (EAP) ou, em português, inglês para fins acadêmicos é um programa de interesse aos alunos que querem estudar em países de língua inglesa e, a partir do curso, buscam aperfeiçoar isso.

O público-alvo desses programas são pessoas que se aplicam para cursos, graduação ou pós-graduação em diferentes áreas em países como Estados Unidos, Inglaterra, Canadá, Austrália, ou qualquer outro cujo idioma principal seja o inglês.

Nos programas EAP, os alunos desenvolvem habilidades de leitura, escuta, interpretação, vocabulário com enfoque em termos acadêmico (e que, por vezes, não são comumente enfatizados nos cursos convencionais de língua estrangeira).

Além disso, os intercambistas têm acesso a aulas que buscam desenvolver as habilidades de pesquisas, apresentação de trabalho, além de normas técnicas para elaboração de artigos, papers e pesquisas, de modo geral.

Preparatório para IELTS (International English Language Testing System)

Você já deve ter ouvido falar no IELTS (International Language Testing System), trata-se do teste de proficiência em língua inglesa mais aceito em todo o mundo.

Aqui no Brasil, juntamente com o TOEFL, o IELTS está entre os principais testes que garantem acesso a oportunidades que requerem o domínio de língua inglesa.

Este teste alega que o indivíduo domina a língua inglesa e está apto a enfrentar situações em que a língua é exigida, normalmente para fins acadêmicos.

Desse modo, após a aprovação no IELTS, o aluno pode se inscrever em programas e cursos em instituições norte-americanas.

Nos programas de intercâmbio que têm esta finalidade, os alunos passam por simulados e testes anteriores para que possam se familiarizar com a proposta da prova.

Ensina-se habilidades para a execução do teste, com ênfase nas capacidades cobradas.

TESOL (Teaching English to Speakers of Other Languages)

Os programas de intercâmbio TESOL (Teaching English to Speakers of Other Languages), como o nome sugere, são voltados a professores de língua inglesa que ensinam falantes que têm como língua nativa outra que não seja esta.

Ou seja, trata-se de uma opção muito comumente concorrida entre quem pretende lecionar no ensino de língua inglesa, seja em cursos preparatórios, cursos de idiomas ou até mesmo em universidades.

Mas como se trata de um curso voltado à formação de ensino, esse tipo de programa tem como pré-requisito que o aluno já tenha domínio do inglês.

Desse modo, irão se desenvolver as habilidades de ensino. A estrutura do TESOL contempla, dentre outros módulos, a organização e planejamento de aulas de acordo com os resultados esperados; desenvolvimento e aperfeiçoamento de técnicas essenciais ao professor de língua estrangeira, como gramática, pronúncia e escrita; critérios de avaliação de acordo com diferentes níveis de ensino; técnicas de ensino.

Tipos de Cursos de Inglês no Brasil

Engana-se quem acredita que os cursos convencionais que existem no Brasil são todos iguais.

Isso porque, assim como nos programas de intercâmbio, se os alunos têm objetivos diferentes, os cursos também têm propostas diferentes.

Conheça os principais tipos de cursos de inglês no Brasil:

Kids e Teens (Inglês para Crianças)

Os cursinhos de inglês voltados às crianças e jovens são aqueles em que os alunos são inseridos à língua desde os primeiros anos de vida.

Esta é uma opção muito valorizada, já que, quanto mais cedo a criança tem contato com uma segunda língua, mais fácil é sua apreensão e o seu domínio.

Isso porque não apenas os fatores cognitivos estão ainda em desenvolvimentos, mas também o aparelho fonador.

Na prática, a musculatura envolvida no processo de fala e toda a anatomia da boca também está se desenvolvendo.

Quando uma criança pratica com frequência e desde cedo uma outra língua, anatomicamente será favorecida.

Você pode perceber, por exemplo, que a pronúncia de uma pessoa que tem contado com o inglês depois de adulto tende a ser mais artificial do que o de uma pessoa que pratica a língua desde criança.

No caso dos cursos para crianças, não há muito rigor metodológico e preocupação com nomenclaturas.

Por outro lado, há mais valorização da inserção e o contato com a língua, por meio principalmente de vocabulário.

No entanto, conforme a criança cresce, aumenta-se o nível de dificuldade e então introduz-se noções de gramática.

Adultos

Nos cursos de inglês para adultos a metodologia é diferente. Isso porque pessoas mais velhas já têm o domínio do português e crenças linguísticas já estabelecidas.

Além disso, as “preocupações” e a forma de ensino são outras. A ênfase maior é em situações cotidianas ou trabalhistas que as pessoas podem enfrentar.

Dentre os cursos voltados a adultos, há aqueles com maior foco na conversação.

Ou seja, a prioridade é que o indivíduo seja capaz de travar diálogos, comunicar-se e entender em inglês.

Já outros cursos são voltados às técnicas de escrita (writing).

No segundo caso, os alunos são estimulados a produzirem textos. Aqui, há uma preocupação maior com a gramática e com técnicas de escrita. É uma boa opção para quem busca dominar a língua para fins de concursos, provas e produção acadêmica, por exemplo.

Conheça mais do curso online de uma das maiores escolas de inglês do Brasil

Business

Há no Brasil também cursos de inglês instrumentais para quem busca aperfeiçoar a língua com finalidades corporativas.

Não é novidade que o mercado de trabalho exige cada vez mais habilidades e os profissionais que oferecem esses requisitos são mais aptos a terem melhores cargos e, consequentemente, salários.

Desse modo, os cursos com ênfase em business buscam preparar alunos que sejam capazes de lidar com diferentes situações corporativas que exigem o domínio da língua.

Conclusão

Seja qual for a sua opção de curso, certamente um deles se adequa à sua necessidade.

Fato é que o inglês é a língua de comunicação em todo o mundo.

Se você a domina, estará pronto para enfrentar as mais diversas situações, além de ter mais oportunidades!

Avalie seus objetivos, entenda qual o propósito para o aprendizado da língua e, a partir disso, escolha qual melhor se adequa às suas necessidades!

Quanto custa um curso de inglês? No Brasil, online ou que tal um intercâmbio? Simule orçamentos abaixo e veja a melhor forma de aprender inglês para você e o seu bolso!