1 Dia em Austin, Texas – Estados Unidos

Para falar a verdade, eu esperava bem pouco de Austin. Pelas fotos parecia apenas mais uma cidade grande sem grandes apelos para os turistas. No fim, achei um lugarzinho interessante.

Vale dizer que me plano inicial era chegar entre 10:30 e 11h em Austin, vindo de Dallas. Peguei um trânsito e tive acelerar tudo um pouquinho.

1a parada – Universidade do Texas. Dirigir pelas ruas do campus foi bem legal, fora que tem tem ali o estádio e loja de Futebol Americano. Ainda dá para ter uma vista do Capitol lá do início da Congress St. Valeu o passeio

2 – 6th Street. A rua é bem legalzinha e conta com várias lojinhas e pubs, além de alguns bons restaurantes e o tradicional Hotel Driskill. Parei apenas para comer um bolinho típico feito ali desde 1886. Tem opções de refeição. Por falar nisso, comi no Austin Ale House – US$37 o casal, muito bom. Estacionei na rua, 2h para fazer tudo isso, US$2 no parquímetro.

3 – Capitol. Entrada franca e um passeio interessante. Para os mais animados tem um passeio guiado gratuito também. Foi uns 40 minutos (interno e externo) andando pelo local que é realmente bem legal! A lojinha de sourvenirs no subsolo tem lembrancinhas interessantes do Capitol.

4 – Hope Outdoor Gallery. É tipo uma ocupação do grafitti. Vários muros, um barranco nada organizado que virou ponto turítsico. O mais legal é que é vivo, ou seja, todo dia tem alguém pintando algo novo em cima de algo que alguém pintou um dia. Cada foto, cada dia será algo novo!

05 - Hope Outdoor Galley, uma ocupação do grafitti ao ar livre - Austin, Texas
Hope Outdoor Galley, uma ocupação do grafitti ao ar livre – Austin, Texas

5 – Congress Bridge. Sem os morcegos, a única coisa a se ver ali é a ponte e o rio. Mais legal são os parques às margens o rio para ter a vista da cidade e quem sabe apreciar o por do sol, por exemplo do Doug Sahm Hill Summit (só fui depois de escurecer, mas a vista é ótima mesmo).

6 – Zilker Park. Tem várias coisas para fazer, desde andar de roda gigantes, passando por tomar um banho na Barlton Spring Pool ou ver o por do sol. A parte do por do sol que era meu interesse, estava fechado, em reforma. =/

7 – Janta e Compras. As regiões de Domain e Great Hills tem vários shoppings e restaurantes. Fui no Maggiano`s (tem nos EUA inteiro), gastei US$ 70 e comi muito bem (casal). Infelizmente a maioria das lojas fecham as 21h e só tive tempo de ficar um pouquinho na TJ-Maxx que tem algumas coisas que são um desrespeito de tão baratas. Tinha mala, daquelas grandonas, da Samsonite, por US$79!! Só um exemplo.

No dia seguinte, antes de partir para San Antonio, fiz mais duas paradas que tomaram por volta de 1h ao todo.

8 – Lady Bird Park. A vista do lugar é legal e ainda melhor para quem quer fazer aquela corridinha! Parece ser um bom lugar para o por do sol também.

9 – SoCo District. SoCo é a abreviação de South Congress Ave. Além de uma lojinhas, na altura do 1300 tem o Jo`s Cafe, tradicional e famoso pela parede ”pichada” com ”I Love you so much”.

09 - Do lado oposto da cidade (ao sul), as avenidas largas, prédios altos e o Capitol - Austin, Texas
09 – Do lado oposto da cidade (ao sul), as avenidas largas, prédios altos e o Capitol – Austin, Texas

Se tivesse mais tempo, em vez de um dia poderia ter ficado dois, mas principalmente para poder curtir os barzinhos a noite. A 6th Street tem uma porção de lugares que parecem bem interessantes para uma cervejinha!

10 – Ah… Dei também uma voltinha de carro por bairros residenciais para ver as decorações de Natal! Valeu a pena :o)

O que mais poderia ter feito…

  • Congress Bridge – Dizem que de abril a outubro a ponte é morada de milhares de morcegos
  • Aproveitar a noite com alguma banda ao vivo
  • São muitos museus, para quem se interessa, daria para investir um tempo

Homero Carmona

Blogueiro desde 2008, ano em que fez seu primeiro intercâmbio e começou a viajar por aí! Atualmente coleciona mais de 40 países no seu passaporte e sonha conhecer todos os 200 e poucos por este mudão a fora... Seu hobby é fazer com que mais gente viaje, todo dia, cada dia mais!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *