Roteiro de Viagem – 1/2 dias em Danang, Vietnã

A terceira maior cidade do Vietnã diverge em muito das gigantes Ho Chi Minh e Hanoi. Não só tem o rio cruzando cidade, como é também litorânia e tem belas praias e algumas outras belezas naturais. Apesar de visivelmente a cidade estar crescendo, percebe-se que ainda não sabem o que fazer com o turismo. Perguntei no hotel, e a primeira coisa que me sugeriram foi ir para Hoi An. Ok, que é algo bem comum, mas não deixa de ser uma pequena viagem, e Danang tem o que oferecer.

Na prática, fiquei um dia e meio. Cheguei de trem, vindo de Hue, aprox. R$ 10, às 11h da manhã e fui embora no outro dia a noite de avião.

Dia 1 – Chegada e tarde livre na cidade

Em algumas horas, duas ou três, dá para dar um giro pela cidade e recorrer alguns pontos principais como a Catedral da Cidade, templo Phap Lam, Han Market e até caminhar às margens do rio onde a cidade realmente parece fazer parte de um outro país, com pontes modernas, um calçadão enorme e decorado e uma roda gigante compondo o horizonte.

Para o pôr do sol, fui ao templo Linh Ung, também vulgarmente chamado de Lady Buda. O templo, enorme e cheio de ambientes, fica em uma montanha e tem uma estátua da Lady Buda maior que o Cristo Redentor no Rio. Realmente é o ponto alto da visita a Danang. Templo legal e vista impagável.

Lady Buda no templo Linh Ung em Danang, Vietnã
Lady Buda no templo Linh Ung em Danang, Vietnã

À noite, mais uma volta pelas margens do rio, que tem alguns restaurantes e alguns pubs animados por ali. A paisagem às margens do rio é sensacional, ainda mais com a recém construída The Dragon Bridge em formato de dragão que fogo solta nos fins de semana.

Dia 2 – Marble Moutains e relax

Fui a Marble Mountain com grandes expectativas. No fim, é algo legal, mas as vistas nem foram tão fantásticas assim, e o mais preguiçoso não vai ficar feliz as escadarias e escaladas que se deve fazer de tênis (fica a dica). Para mim, o ponto alto foi a caverna Huyen Khong. Fiz apenas a montanha principal, foram 2:30 ao todo, 15 mil Dong (R$2) de entrada. As outras são menores, talvez mais 1:30 ou 2h consiga fazer as demais.

6 storied Pagoda na Marble Mountain - Danang, Vietnã
Six storied Pagoda na Marble Mountain – Danang, Vietnã

Na volta, pedi para que o taxi parasse na My Khe beach, clamado como uma das mais bonitas do mundo. Legal, mas não vi nada tão legal assim. O mais legal é ter a vista do mar com a Lady Buda ao fundo. Para quem gosta de praia, legal, para quem gosta muito, tem vários resorts nas proximidades (até Hyatt).

Depois, como tinha vôo no fim do dia, não havia tempo para fazer mais grandes coisas. Então aproveitei para dar mais uma volta pelo centro e relaxar um pouco.

Outras informações:

  • Brilliant Hotel – achei bom, vista muito muito legal do rio. US$ 75/ noite o casal.
  • Da estação até o Hotel (Billiant Hotel), o cara cobrou US$ 10, porteira fechada. Pegando no taxímetro seria 3 ou 4 dólares.
  • Do hotel até o aeroporto, 64 mil Dong (R$8)
  • Taxí até a Lady Buda – 150 a 200 mil Dong. O taxista esperava até 1h sem cobrar, depois, cobrou 50 mil por hora adicional que esperasse, ok.
  • Taxí até a Marble Mountain – 150 a 200 mil Dong. Combinamos com o taxista e ele voltou para nos buscar 2:30 mais tarde.
  • O mapa da Marble Mountain é terrível. Existem trilhas que não explicitadas no mapa. Custou 15 mil Dong.

Coisas que poderia ter feito e não fiz:

  • My Son Temple: Talvez a atração mais famosa da cidade. Parece bem interessante, mas vendo as fotos, achei que poderia ser repetitivo depois de tudo que tinha visto em Siem Reap.
  • Ba Na Hills: Uma montanha a uns 40km da cidade em que se sobe de bondinho e tem um cenário muito bonito. Queria muito ir, mas tive que priorizar algumas coisas. Depois de ter ido na Marble Mountain, via que preferia o Ba Na hills, mas também tomaria mais tempo.
  • Cham Museum: Um museu das esculturas do reino do Champa.

Considerações e dicas finais:

  • Acabei quebrando em dois dias, mas para repetir o que fiz, é possível fazer em um único dia, mas é preciso muitas ter pernas. A Marble Mountain é uma boa caminhada morro acima e morro abaixo.
  • Talvez Danang seja o melhor hub para fazer as outras cidades (Hue e Hoi An). O negócio é conseguir as tours, neste sentido, talvez Hoi An ofereça mais alternativas.
  • Leve repelente para a lady, os mais sensíveis podem se incomodar com os bichos.

Ah… gostei dessa ponte… Gostei mesmo!!

The Dragon Bridge a noite - Danang, Vietnã
The Dragon Bridge a noite – Danang, Vietnã

Homero Carmona

Blogueiro desde 2008, ano em que fez seu primeiro intercâmbio e começou a viajar por aí! Atualmente coleciona mais de 40 países no seu passaporte e sonha conhecer todos os 200 e poucos por este mudão a fora... Seu hobby é fazer com que mais gente viaje, todo dia, cada dia mais!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *