7 motivos porque NÃO fazer intercâmbio de inglês nos EUA, mas em outro lugar

Os EUA são normalmente a nossa primeira opção para fazer o intercâmbio. Foi assim comigo e talvez seja assim como você. Porém depois de analisar as opções, você vai entender porque deve mudar de planos.

Antes que me chamem de louco, vou explicar o porquê deste post….

Há muitos anos atrás, aparentemente apenas EUA e Inglaterra eram opções para o intercâmbio. Por sorte, outros países abriram as portas para receber os estudantes, eventualmente com maiores benefícios que estes outros dois países. Exemplos disso são Irlanda, Austrália, Malta, Nova Zelândia, Canadá e até a África do Sul. Somado a isso, ações dos EUA, como por exemplo restringir a imigração, acabou criando motivos porque não fazer intercâmbio nos EUA, e optar por outro destino mais flexível.

#1 – É geralmente mais caro

Comparando com opções como Irlanda, Malta, África do Sul e até mesmo Canadá, os cursos de inglês nos EUA são mais caros. Além disso, para ficar em cidades grandes (como NY, Los Angeles, Miami etc.), custo sobe mais ainda. Nos outros países é possível ficar em cidades mais movimentadas e com mais opções culturais com custo menor.

Compare orçamentos de intercâmbio nos principais destinos no nosso simulador de preços ou veja aqui referências de cotações.

Simulador Online de Orçamento - Quanto custa um intercâmbio_v2

#2 – Não pode trabalhar legalmente no intercâmbio de inglês

Cursos de inglês não dão direito a trabalho nos EUA em hipótese nenhuma. Conheço quem foi e trabalhou ilegalmente, o que não recomendo de forma alguma… Ainda mais em tempos de Trump e turma limitada!

Por outro Irlanda, Austrália e Nova Zelândia tem opções para cursos de inglês com direito a trabalhar durante o intercâmbio. Normalmente para cursos acima de 3 meses, ou de 6 meses no caso da Irlanda.

#3 – Exige visto para qualquer tempo de curso

Não é de hoje que o EUA exige visto para qualquer brasileiro querendo fazer qualquer coisa no país. Independente do tempo e do tipo de curso, vai precisar de visto. O processo de visto é simples pelo menos 🙂

Irlanda, África do Sul e Malta, por outro lado, tem entrada livre para brasileiros que vão fazer cursos de 3 meses. Sempre existem alguma exigências, mas nada como a ansiedade de um processo de visto.

#4 – Maiores limitações para o turismo dentro do país

Passaporte e carimbos de imigração

Os EUA foram criados para rodar de carro ou então para pegar uma avião. É verdade que alugar um carro lá é barato e também é possível conseguir passagens relativamente baratas.

Se comparar com as opções na Europa (Inglaterra, Irlanda e Malta) entretanto, é muito mais fácil fazer turismo. O foco dos países é transporte público, a viagem entre os países é fácil e barata de trem ou de avião por cias aéreas como a Ryanair e Easyjet.

#5 – Pode ser frio, muuuuito frio

Todo mundo reclama do friozinho da Irlanda e da Inglaterra, mas nada se compara ao frio de destinos interessantes como Chicago, Boston e até Nova Iorque que podem chegar a -10, -20 graus. Então, se está indo para um intercâmbio nos EUA é bom ao menos escolher bem a data da ida.

#6 – Muitos brasileiros

Bom, primeiro é bom dizer que nós brasileiros estamos dominando o mundo. Onde a gente vai, encontra brasileiros aos montes. Para o intercâmbio isso pode não ser a melhor situação, pois ter muito brasileiro te leva a falar muito português perdendo o foco da viagem.

Nos EUA, não é diferente, principalmente nas cidades mais famosas. Se quiser fugir, melhor buscar cidades de menor porte. Vale dizer que em outros países, isso também é bem parecido, sempre melhor buscar cidades com menor concentração de brasileiros.

#7 – Preconceito

No geral, isso não é um problema. Porém, comparado com a Europa por exemplo, muito mais gente tem aversão a estrangeiros, principalmente latinos. Verdade que não é a toa, muito brasileiro, mexicano etc. vivendo ilegal por lá.

De novo, em tempos de Trump, preconceitos podem ficar mais aflorados =/

Quer saber por que fazer intercâmbio nos EUA? Ou então por que fazer em outro lugar?

  1. 15 motivos porque fazer intercâmbio na Irlanda
  2. 12 motivos porque fazer intercâmbio na Malta
  3. 13 motivos porque fazer intercâmbio na Canadá
  4. 10 motivos porque fazer intercâmbio na África do Sul
  5. 15 motivos porque fazer intercâmbio na Austrália
  6. 5 motivos porque fazer intercâmbio na Nova Zelândia
  7. Ou simplesmente porque fazer intercâmbio

Aqui você vê como escolher o destino ideal para você e tudo para planejar seu intercâmbio!

Intercambioeviagem.com.br - Capa - 7 passos para planejar um intercâmbio

Homero Carmona

Blogueiro desde 2008, ano em que fez seu primeiro intercâmbio e começou a viajar por aí! Atualmente coleciona mais de 40 países no seu passaporte e sonha conhecer todos os 200 e poucos por este mudão a fora... Seu hobby é fazer com que mais gente viaje, todo dia, cada dia mais!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *